Os códigos de conversão ajudam a rastrear e medir as vendas da sua loja. Eles geralmente são usados para medir o sucesso de uma campanha, pois permitem identificar a origem do tráfego da sua loja.

Neste tutorial, vamos te ensinar a configurar os códigos de conversões de outras ferramentas, que não sejam o Google Analytics e o Facebook Pixel. 

📌 Observação: No seu painel de administração, você encontrará campos específicos para configurar o Google Analytics e o Facebook Pixel, portanto, não é necessário incluir os códigos dessas ferramentas na seção "Outros códigos de conversão".

Para acompanhar o resultado de qualquer uma de suas campanhas com outra ferramenta, siga os seguintes passos. 

Vamos lá? 

1. Obtenha o código de conversão correspondente à sua campanha. Cada ferramenta possui etapas específicas para obter seu código de conversão, e o código normalmente é apresentado no formato JavaScript.

2. Dentro no seu painel de administração, siga pelo caminho "Configurações" > "Códigos externos".

3. Vá até a seção "Outros códigos de conversão". 

Ela se divide em dois campos: 

  • Códigos de conversão para a página de finalização de compra
  • Códigos de conversão para a página de confirmação de compra. 

Dependendo do campo que você utilizar, as conversões serão medidas de diferentes formas.

Códigos de conversão para a página de finalização de compra

O primeiro já é exibido totalmente expandido, e serve para a adicionar códigos de conversão para a página de finalização de compra.

A página de finalização de compra é a última página do checkout exibida para o comprador (aquela que tem o final  /success/). 

Ao incluir os códigos neste campo, será considerada uma conversão quando seu cliente finalizar o processo de compra na página do checkout. Isso significa que em meios de pagamento transparentes (aqueles em que o pagamento acontece no ambiente da loja) a conversão será considerada automaticamente.

Já em meios de pagamento não transparentes (aqueles em que o pagamento acontece em uma página do intermediador de pagamento ou em um pop-up), a conversão só será considerada se o comprador retornar à loja após concluir o pagamento.

Códigos de conversão para a página de confirmação de compra

O segundo campo, "Códigos de conversão para a página de confirmação de compra", fica oculto e só é exibido após a opção "Configurar um código de conversão para a página de confirmação de compra" ser habilitada.

Neste caso, a conversão é considerada assim que o comprador clica em "Pagar através da" na etapa final do checkout.

Na imagem abaixo, podemos ver um exemplo do Mercado Pago porém, o mesmo acontece com qualquer meio de pagamento habilitado na sua loja.

🌟 Importante: se você adicionar o mesmo código nas duas seções, é possível que as vendas da sua loja sejam contabilizadas duas vezes e por isso, desaconselhamos essa configuração. 

4. Após inserir os códigos nos respectivos campos, clique em "Salvar alterações".

Pronto! Você já tem o código de conversão vinculado à sua loja e pode começar a analisar de onde vêm suas vendas.

Vantagens e desvantagens

Para entender melhor sobre os dois campos e quais você deve preencher, vamos falar um pouco sobre as vantagens e desvantagens de cada uma deles. 

Ambos os campos apresentam vantagens e desvantagens.

O campo "Códigos de conversão para a página de finalização de compra" é mais assertivo, principalmente para quem utilizar somente meios de pagamento transparentes

Para quem usa meios de pagamento que não são transparentes e pagamentos personalizados, a medição pode não ser muito assertiva. Isso acontece pois, em casos de meios de pagamento não transparentes, o comprador precisa clicar para retornar à loja para que a conversão seja considerada. Caso o comprador somente feche a página com a confirmação do intermediador de pagamento, a conversão não será considerada.

O mesmo acontece com pagamentos personalizados. Como não existe a efetivação do pagamento no momento da compra, a página para onde o comprador é direcionado é a com final /pending/, e por isso a conversão também não será considerada.

Já no caso do segundo campo, "Códigos de conversão para a página de confirmação de compra", todas as compras serão consideradas, independente de o pedido ser finalizado ou não.

Como a conversão é considerada assim que o comprador clicar no último botão do processo, são considerados os pedidos com todos os intermediadores de pagamento, inclusive com pagamentos personalizados.

A desvantagem é que, tanto pagamentos que não dão certo ou que não são finalizados, também são considerados.

Encontrou sua resposta?