Os códigos de conversão ajudam a rastrear e medir as vendas da sua loja. Eles geralmente são usados para medir o sucesso de uma campanha, pois permitem identificar a origem do tráfego da sua loja.

Para medir suas conversões, seja através do Google Analytics, Facebook Ads ou em outras ferramentas, é necessário definir uma ação que será considerada uma conversão. No e-commerce, uma conversão costuma ser uma venda concluída por um cliente.

Neste tutorial, vamos te ensinar a configurar os códigos de conversões de outras ferramentas.

📌 Importante: No seu painel de administração, você encontrará campos específicos para configurar o Google Analytics e o Facebook Pixel. Para saber como vincular essas ferramentas em sua loja, consulte os tutoriais 👉 Como vincular o Google Analytics? e 👉 Como utilizar o Pixel do Facebook?.

Como o campo código de conversão funciona?

Para entender melhor sobre os dois campos e quais você deve preencher, vamos falar um pouco sobre as vantagens e desvantagens de cada um deles.

👉 Códigos de conversão para a página de finalização de compra

Esse campo é mais assertivo, principalmente para quem utilizar somente meios de pagamento transparentes (PagSeguro, Mercado Pago e Wirecard). Agora se você usa meios de pagamento que não são transparentes e pagamentos personalizados, a medição pode não ser muito assertiva.

Isso acontece pois, em casos de meios de pagamento não transparentes, o comprador precisa clicar para retornar à loja para que a conversão seja considerada. Caso o comprador somente feche a página com a confirmação do intermediador de pagamento, a conversão não será considerada.

Dependendo do meio de pagamento, este processo será feito de forma automática ou manual. Por exemplo, se o PagSeguro estiver configurado como Checkout padrão, ao finalizar a compra, ele oferecerá as duas opções, veja:

Neste caso o cliente poderá aguardar até o final da contagem para retornar à loja ou é só clicar em Voltar para a loja para ser redirecionado novamente, indicando que a compra foi concluída com sucesso.

O mesmo acontece com pagamentos personalizados. Como não existe a efetivação do pagamento no momento da compra.

👉 Códigos de conversão para a página de confirmação de compra

Já este campo, todas as compras serão consideradas, independentemente do pedido ter o seu pagamento confirmado ou não.

Como a conversão é considerada assim que o comprador clicar no último botão do processo, são considerados os pedidos com todos os intermediadores de pagamento, inclusive com pagamentos personalizados.

A desvantagem é que, tanto pagamentos finalizados com sucesso ou aqueles que o cliente não realizou o pagamento serão considerados como uma venda concluída.

Como adicionar uma Tag de conversão?

Primeiro obtenha o código de conversão correspondente à sua campanha. Cada ferramenta possui etapas específicas para obter seu código de conversão, em geral, o código é apresentado no formato JavaScript.

💡 Dica: Se ainda não sabe qual ferramenta usar para realizar as suas campanhas e medir a evolução delas, indicamos a ferramenta Google Ads do Google. Para como criar o seu anúncio e gerar as tags, consulte o tutorial 👉 Como vincular os códigos de conversão do Google Ads na minha loja?.

Caso já tenha a tag e deseja, siga os passos a abaixo:

1. Dentro no seu painel de administração, vá Configurações > Códigos externos.

3. Vá até a seção "Outros códigos de conversão". 

Ela se divide em dois campos: 

  • Códigos de conversão para a página de finalização de compra
  • Códigos de conversão para a página de confirmação de compra. 

Dependendo do campo que você utilizar, as conversões serão medidas de diferentes formas.

👉 Códigos de conversão para a página de finalização de compra

O primeiro já aparecerá habilitado, e serve para a adicionar códigos de conversão para a página de finalização de compra.

A página de finalização de compra é a última página do checkout exibida para o comprador (aquela que tem o final  /success/). 

Com essa configuração, uma conversão será contabilizada quando seu cliente visitar essa página. Ela é exibida para seus consumidores quando:

  • Após a finalização de uma compra com um meio de pagamento personalizado
  • Após o pagamento da compra com um meio pagamento.

No segundo caso, é necessário que o cliente retorne a sua loja após concluir o pagamento na página da plataforma de pagamento utilizada. Se um cliente efetuar o pagamento e não retornar à loja, a conversão não será contabilizada.

👉 Códigos de conversão para a página de confirmação de compra

O segundo campo, "Códigos de conversão para a página de confirmação de compra", fica oculto e só é exibido após a opção "Configurar um código de conversão para a página de confirmação de compra" ser habilitada.

Neste caso, a conversão é considerada assim que o comprador clica em "Pagar através da" na etapa final do checkout. Ou seja, a conversão será contabilizada mesmo se o pagamento não foi confirmado.

Na imagem abaixo, podemos ver um exemplo do Mercado Pago, porém, o mesmo acontece com qualquer meio de pagamento habilitado na sua loja.

Dica: utilizar essa forma de assim, entender melhor quais campanhas estão funcionando mais para você. Você pode comparar quantas vendas foram iniciadas a partir de suas campanhas no Facebook, Google e outras mídias e assim decidir em qual delas é aconselhável investir mais dinheiro. Em outras palavras, ajudará você a comparar suas campanhas.

📌 Importante: se você adicionar o mesmo código nas duas seções, é possível que as vendas da sua loja sejam contabilizadas duas vezes e por isso, desaconselhamos essa configuração. 

4. Após inserir os códigos nos respectivos campos, clique em "Salvar alterações" no final da página.

Pronto! Você já tem o código de conversão vinculado à sua loja e pode começar a analisar de onde vêm suas vendas.

Encontrou sua resposta?